Como proteger seu Curso Online da pirataria através de screencast

Como proteger seu Curso Online da pirataria através de screencast

08/Jun | por: Marcelo Souza Campos

Categorias: Segurança

 

Proteger seu conteúdo contra gravações por screencast pode ser difícil, mas não impossível...

 

 

Proteger um conteúdo dentro do universo da internet tem sido cada vez mais difícil e os surgimentos de novos meios para a pratica de pirataria vem preocupando cada vez mais aos empresários que possuem uma Plataforma EAD. Um meio que vem sendo utilizado para pratica da pirataria digital é a captura do conteúdo através do screencast. Vamos entender um pouco mais sobre esta pratica neste post.

 

O screencast é a captura da tela de um computador ou dispositivo em forma de vídeos através de algum software. Esta pratica pode ser utilizada de maneiras muito produtivas, como por exemplo, criar vídeo aulas praticas sobre alguma ferramenta ou programa, porém o mesmo pode ser utilizado para a pirataria.

 

Um usuário com acesso a sua Plataforma de Cursos ao acessar alguma Web Aula e Webinário pode assistir normalmente com algum programa de screencast acionado e assim o mesmo terá um outro arquivo com o conteúdo reproduzido. Neste caso o mesmo não precisa fazer downloads e nem instalar algum Plug-in de Download ou utilizar o próprio Browser para conseguir fazer esta captura. Este usuário com o material disponível pode disponibilizar o conteúdo da maneira que bem entender, seja vendendo a um preço abaixo do valor proposto pela instituição ou a disponibilização gratuita em sites e blogs.

 

No post sobre Segurança a Nível de Login falamos sobre uma prática muito comum de disponibilização do conteúdo que é o rateio de concursos. O screencast é uma das maneiras em que o usuário utiliza para disponibilizar o material para quem rateou o curso juntamente com o mesmo, assim dando acesso ao material a quem não tem autorização para assistir através da Plataforma de Membros.

 

O grande problema é que ainda não existe tecnologia o suficiente para impedir que o usuário faça a captura dos seu Treinamento Online e o disponibilize, pois os software de screencast funcionam independentes e não precisam de nenhum Plug-in de Download, ou do Browser e nem mesmo de acesso a internet para seu funcionamento.

 

Realmente até o momento podemos afirmar que não é possível impedir um usuário de copiar o conteúdo de uma Plataforma de Cursos Online, mas existem meios para que o usuário infrator seja identificado e assim a instituição que retém os direitos autorais do conteúdo tomar as medidas cabíveis quando ao crime de pirataria.

 

Pode parecer simples fazer isto, mas não é...

 

Muitas empresas e aplicativos prometem está segurança que infelizmente não ocorre. A maneira que utilizam para tentar proteger o conteúdo funciona da seguinte maneira. Quando um usuário faz seu login na Plataforma de Ensino a Distância o mesmo cria uma sessão com o sistema, através desta sessão cria uma div em forma de texto no vídeo com alguma informação do usuário, seja o CPF, o ID, e-mail, nome, enfim alguma informação que a instituição possa identifica-lo. O problema de utilizar este método é que é facilmente quebrado. A div, quando não é editado corretamente, o usuário precisa apenas mover seu Browser para que a div comece a aparecer em outros pontos do vídeo até sair da área de reprodução, assim o usuário consegue gravar o conteúdo sem que seja identificado.

 

Outra maneira de conseguir quebrar a div para conseguir regravar o conteúdo sem ser identificado é um pouco mais complexo, porém qualquer pessoa consegue fazer isto. Quando o usuário acessar a Web Aula ou Webinário com uma div de identificação o mesmo pode pressionar o botão F10 em cima do seu Browser e irá aparecer no canto da dela o código fonte daquela página juntamente com a div de identificação. Nele o usuário tem a opção de “esconder” e até mesmo apagar este dado deixando-o livre para gravar o conteúdo da sua Plataforma Online sem a possibilidade de identificação.

 

A está altura você deve estar pensando que é impossível se proteger do screencast e não conseguir nem ao menos identificar o infrator não é? Pois é possível sim e a NoChalks conseguiu a solução.

 

Para conseguir uma proteção realmente eficaz e identificar o usuário infrator é mais complexo e aprofundado. A Plataforma Nochalks integra esta caixa de texto com a identificação do usuário diretamente no player do curso. Enquanto o usuário está assistindo o conteúdo do Streaming Integrado, alguma informação de identificação do usuário irá aparecer em diversos pontos do player e de forma tão rápida que se torna imperceptível ao olho humano. Quando o conteúdo é vazado e disponibilizado em sites não autorizados, a Instituição pode pegar este arquivo e assisti-lo em slow motion, assim quando aparecer a informação do usuário a Instituição consegue pausar e identificar com facilidade o autor do crime e tomar as providencias necessárias. Como esta ferramenta é produzida pela equipe de desenvolvimento da NoChalks e a mesma trabalha diretamente na Plataforma EAD e sem a necessidade de integrar uma div, conseguimos afirmar que não é possível quebrar está proteção da sua Plataforma de Cursos deixando-a extremamente segura.

 

Nossa equipe orienta a Instituição que utiliza da Plataforma NoChalks a informar aos seus alunos no ato da compra do curso que a mesma possui meios de segurança e identificação em casos de vazamento de conteúdos e assim afirmando ao seu cliente que qualquer dado dentro da Plataforma Online está com toda a segurança oferecida pela NoChalks, a Plataforma EAD mais segura do mundo.

 

Mais novidades?

inscrever-se

Fontes: NoChalks
0 Comentários

Posts Relacionados:


Não há mais comentários para serem exibidos